Porque rir é o melhor remédio!

pintu1.jpg

“Apesar do hospital não ser um lugar para rir, o Riso deve ter espaço no hospital”

– Sérgio Claramunt

Fazer RIR não é fácil, mas conheci duas pessoas muito especiais que o fazem com muita facilidade: o Dr. Alta-Mente e o Dr. Pessoa Pessoa. Estes dois doutores palhaços são especializados na arte de fazer RIR e, segundo eles, o RISO é um elemento muito importante no processo de tratamento das doenças. Desencadeia uma série de reações fisiológicas que têm efeitos imediatos no paciente – alívio da tensão, diminuição de stress e ansiedade, reforço do sistema imunitário, relaxamento da tensão muscular e diminuição da dor – que melhoram a situação do internado diminuindo a rejeição dos medicamentos e seus efeitos colaterais.

E onde os conheci? Num sítio bastante improvável para conhecer palhaços! No hospital.

Estes doutores palhaços têm como missão contribuir para a melhoria da qualidade de vida das crianças internadas e dos seus familiares, minimizando e aliviando o drama do ambiente hospitalar através da promoção da alegria e brincadeira, do afeto e do calor humano.

E foi isso mesmo que fizeram naquela manhã em que eu esperava ansiosa pela cirurgia do meu filho mais novo. Mesmo não sendo nada complicado (segundo os médicos), pois tratava-se apenas de uma cirurgia aos adenoides e amígdalas, fiquei um pouco nervosa. Coisas de mães! E como mãe só pensava: Será que vai demorar a acordar depois da operação? Como irá acordar? Irá sentir muitas dores? Como será que vai passar as primeiras horas?

Para além disso preocupava-me o facto do rapaz, apenas com três anos, ter já o seu temperamento vincado e como gosta BASTANTE de comer, como lhe iria eu explicar que não poderia comer nada nem beber até ao momento da operação? Ou como lhe poderia eu explicar o que estávamos ali a fazer ou ao que ele iria ser submetido? Com o passar do tempo, não só as crianças, mas também quem os acompanha, e falo por mim, começam a mostrar alguma impaciência, acabamos por estar muito tempo à espera e a ansiedade vai aumentando.

Felizmente naquela manhã estavam lá os doutores palhaços que, a cada quarto em que entravam faziam soar muitas gargalhadas. São pessoas extraordinárias que depositam uma enorme paixão no que fazem. Pessoas que para além das suas vidas conseguem dedicar algum tempo a melhorar a vida dos outros. A melhorar a vida das crianças que estão em internamento, crianças que a cada palavra destes palhaços respondem com um brilho no olhar, que a cada nova brincadeira esquecem por breves momentos o sítio onde estão, que a cada piada que os palhaços dizem RIEM, mas RIEM com verdadeira vontade, como se estes doutores palhaços, nos breves momentos que ali estão, tivessem o poder de os transportar para um mundo imaginário que por instantes se torna mágico.

E porque RIR é algo que podemos fazer sempre que nos apetece sem ter de o justificar a alguém. Porque RIR, está provado, só traz benefícios. Porque RIR desenvolve a o crescimento pessoal e aumenta a auto estima e a confiança convido-vos a conhecer não só o Dr. Alta-Mente e o Dr. Pessoa Pessoa, mas também todos os outros doutores palhaços que fazem parte desta fantástica equipa do Remédios do Riso (http://remediosdoriso.pt/wp/)

Por Vanessa Chinelo, Professora e Colaboradora da Sociedade do Bem

Publicado originalmente em  Tribuna Alentejo

Imagem  daqui.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s